Rodrigo Caio evita pensar em venda, mas ouve dicas de colega de quarto

Os jornalistas que cobrem a Seleção Brasileira bem que tentaram arrancar respostas de Rodrigo Caio sobre a possível transferência do São Paulo para a Lazio, da Itália, mas não conseguiram. O zagueiro disse não pensar em nada além da Olimpíada do Rio de Janeiro e afirmou que só estudará o seu futuro após o fim dos jogos.

Neste sábado, o defensor concedeu entrevista coletiva ao lado do meia Felipe Anderson, que atua no clube italiano. Questionado se já colheu informações com o companheiro, Rodrigo Caio disse:

- Tenho amizade grande com o Felipe. Desde as primeiras convocações estivemos juntos, no mesmo quarto, fizemos uma amizade. Sobre o futuro, a gente não sabe o que pode acontecer, hoje meu pensamento é só na Seleção, em fazer um bom papel e conquistar a medalha olímpica, que é o objetivo de todo jogador - afirmou.

Felipe Anderson, por sua vez, reiterou a importância de os atletas estarem focados na busca pelo ouro olímpico, mas deu dicas da vida em Roma e destacou os pontos fortes da Lazio.

- É um clube que eu gosto muito, me acolheu bem, é de uma cidade maravilhosa. Se ele for para lá, vai ser bem recebido e gostar bastante. É um clube no qual os torcedores são fanáticos, você vê e sente o futebol. É um clube estruturado e que quer brigar cada vez mais alto nos campeonatos. Se ele for para a Lazio, será bem-vindo - comentou.

Após uma venda frustrada para o Valencia (ESP) na última temporada, o São Paulo pretende negociar Rodrigo Caio, de 22 anos, por 12 milhões (aproximadamente R$ 43 milhões), dos quais R$ 34,6 milhões (80% dos direitos econômicos) ficariam nos cofres do Morumbi.

- Eu sou muito sincero: não tem como pensar em outra coisa a não ser na Olimpíada. Lutei muito para chegar aqui, em dediquei anos para conquistar a vaga, estou entre 18 jogadores para conquistar a medalha. Não tem como pensar em outra coisa. É claro que tem que pensar no futuro, analisar, mas quando acabar a Olimpíada que eu vou ver isso. Agora penso em ganhar o ouro, ajudar a equipe, não tem objetivo maior - reiterou Rodrigo Caio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos