Em São Paulo, Laís Souza conduz tocha de pé e emociona público

A ex-ginasta Laís Souza emocionou o público que esteve presente neste domingo, no Parque Ibirapuera, em São Paulo, ao participar do revezamento da tocha olímpica, percorrendo o circuito de 200 metros de pé. Laís perdeu os movimentos dos braços e das pernas após um acidente de esqui, em 2014, quando se preparava para a Olimpíada de Inverno.

Ouvindo gritos de apoio, a jovem de 27 anos teve a ajuda de seu cuidador William Campi e de seu pai, Antônio Souza, que segurou a tocha, já que Laís não conseguia.

- Eu fiquei muito emocionada quando as pessoas gritaram meu nome. Treinamos muito pra que desse tudo certo - disse Lais, depois do trajeto.

Foi elaborada uma operação especial para que Laís pudesse participar do revezamento. Usando uma cadeira que pesa 182,8 kg pela primeira vez na frente de tanta gente, Laís se alongou antes de sua participação e fez um teste pelo percurso.

- Se eu cair vocês me segurem gente - brincou a ex-ginasta.

Ao fim do trajeto, Laís passou a chama ao também cadeirante Fernando Fernandes. Após a troca, a cadeira da jovem voltou à posição sentada e o público aproveitou para tirarem selfies.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos