Santos sofre com desgaste, e Dorival cogita escalar reservas com o Gama

Na última quarta-feira, o técnico Dorival Júnior escalou "força máxima" do Santos no jogo com o Gama, fora de casa, para conseguir um bom resultado e se dar ao luxo de poupar seus astros no jogo de volta, que acontece nesta quarta-feira, na Vila Belmiro.

A estratégia, contudo, caiu por terra após o empate sem gols no Distrito Federal. Agora, apesar da necessidade de vencer o Gama para avançar às oitavas da Copa, o Peixe pode ser obrigado a escalar time misto ou até mesmo reserva.

Por conta da maratona, o meia Lucas Lima foi substituído na segunda etapa da vitória sobre o Vitória por conta de dores na coxa. Se não bastasse a preocupação com o melhor jogador do time, Dorival tratou de "desanimar" ainda mais o santista ao revelar que diversos jogadores deixaram o gramado no último domingo com dores.

- Ainda não sei, ele (Lucas Lima) pediu para sair. Vamos analisá-lo, ontem (sábado) já estava com alguma dificuldade, doutor me deixou ciente. Mas acredito na palavra do atleta e vamos até onde der. Com relação ao jogo com o Gama, amanhã (segunda-feira) vamos ver quem tem condição, muita gente saiu reclamando muito da partida e não sei como encontraremos a equipe. Por isso já deixei todo mundo preparado, de repente alguma coisa deva acontecer. Vamos analisar as condições - lamentou Dorival.

Para avançar de fase na Copa do Brasil, o Santos precisa vencer por qualquer placar na Vila Belmiro. Empate com gols dá classificação ao Gama.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos