Visitas, baixa, revelações e... portão fechado: veja como foi o dia do Timão

O técnico Cristóvão Borges voltou a fechar o treinamento do Corinthians na tarde desta quarta-feira, segundo dia de preparação para a partida contra o Internacional, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. O clube liberou apenas os 15 minutos iniciais da atividade, que foram dedicados a uma ação social da AACD e o aquecimento do grupo de jogadores. Depois, quando a comissão técnica dividiu o grupo em dois para um trabalho técnico em campo reduzido, os profissionais de imprensa foram "convidados" a não acompanhar mais as movimentações.

Alguns jogadores não participaram do aquecimento em campo: Fagner, Elias e Luciano, que estiveram no jogo-treino contra o Juventus no dia anterior e permaneceram na academia do CT Joaquim Grava na primeira parte dos trabalhos, e Guilherme Arana, que está com terçol e foi preservado do treinamento. Além deles, estiveram fora do dia de trabalhos em campo os zagueiros Pedro Henrique e Vilson, que tratam lesões na coxa esquerda e no tornozelo direito, respectivamente, além do volante Camacho, que teve contusão muscular na coxa esquerda, e do atacante Bruno Paulo, ainda em recondicionamento físico.

Para completar o treinamento diante do elevado número de desfalques, o técnico Cristóvão Borges promoveu dois garotos das categorias de base: Thiago, zagueiro do sub-20, e Lucas Minele, lateral-direito do sub-17. O segundo jogador, aliás, foi convocado na terça-feira para participar de um período de treinos com a Seleção Brasileira sub-18 no mês de agosto, e é considerado alta aposta pelo Timão.

Se não foi possível ver a equipe armada por Cristóvão Borges, ao menos o treinamento de um jogador deu pra observar: Claudio Maldonado. De passagem discreta pelo Timão em 2013 - foram apenas oito partidas - o chileno de 36 anos está sem clube, e participa de um trabalho de recondicionamento físico no CT Joaquim Grava. Além dele, o atacante Dinei, ex-Palmeiras e Vitória, também tem utilizado a estrutura do Corinthians para se tratar. Segundo o clube, nenhum dos dois deve virar opção de reforço neste segundo semestre.

Sem Maldonado e Dinei, o Corinthians treinou com portões fechados nesta quarta-feira e ainda terá mais três dias de trabalho antes de enfrentar o Internacional. O elenco embarca no sábado à tarde e entra em campo domingo, quando enfrenta o Colorado podendo alcançar a liderança do Campeonato Brasileiro - a distância para o Palmeiras é de apenas dois pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos