Jogadores do Cruzeiro lamentam filme repetido em nova derrota

Clima de muita lamentação na saída de campo dos jogadores do Cruzeiro. Após a derrota por 2 a 0 para o Santos, o principal assunto nas declarações foi a forma com que o tropeço aconteceu: novamente com o time jogando bem. Na estreia de Mano, a equipe mineira criou muito e teve ótimas chances de marcar, mas não aproveitou suas oportunidades. Por outro lado, o time de Dorival chegou menos ao gol de Fábio, mas fez o principal e construiu a vitória com gols de Vitor Bueno e Lucas, contra.

- É difícil comentar, a gente fez um grande primeiro tempo, bem e muito organizado. Mas aí deixamos os jogadores do Santos entrarem tocando na nossa área e levamos o gol. Agora é erguer a cabeça, quinta-feira temos um jogo importante contra o Internacional. Estamos acreditando no trabalho do Mano e vamos sair dessa situação - falou o atacante Willian.

Titular neste domingo, Willian foi um dos jogadores que pecaram na hora de finalizar. O atacante perdeu duas boas chances de marcar, assim como Arrascaeta e Sóbis, que também desperdiçaram gols. Ao todo, o Cruzeiro chutou por 12 vezes no jogo, acertando quatro ao gol, enquanto o Santos finalizou por seis vezes, sendo apenas duas no gol.

- Perdemos jogando bem de novo né. Acho que vamos ter que começar a pedir para o time jogar mal, quem sabe assim a gente ganhe. É trabalhar, agora é difícil falar, temos que buscar pontos. Fizemos um bom jogo, mas vacilamos duas vezes e levamos o gol. Agora é levantar a cabeça e torcer para o Mano conseguir dar um padrão para o time - falou Robinho.

- Não dá para entender, às vezes falta sorte também. No futebol tem que ser mais efetivo, criamos muito, mas não fizemos o gol. Eles chegaram poucas vezes, mas foram lá e fizeram - completou o jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos