Papa Francisco pede solidariedade durante os Jogos Olímpicos

A dois dias da Cerimônia de Abertura dos Jogos Olímpicos do Rio, o papa Francisco - um dos principais líderes religiosos do planeta - desejou boa sorte aos atletas, comissões técnicas e torcedores que estarão no Brasil durante as pouco mais de três semanas de competições. Nesta manhã, durante celebração no Vaticano, o argentino pediu que prevaleça o espírito olímpico e que haja solidariedade entre os povos.

"Que os Jogos Olímpicos incentivem a competitividade e que os atletas terminem juntos as disputas, desejando como prêmio não uma medalha, mas algo mais precioso: a realização de uma civilização em que reine a solidariedade", destacou o mandatário da Igreja Católica.

Conhecido pela sua personalidade carismática, o papa ainda falou sobre o ineditismo da realização de uma Olimpíada no território sul-americano. Nascido em Buenos Aires, o portenho pediu aos brasileiros que cativem o público com sua alegria e hospitalidade características.

"Desejo que esta seja uma possibilidade de superar momentos difíceis e fazer um trabaho em equipe para a construção de um país mais justo e seguro, apostando em um futuro cheio de esperança", finalizou Francisco citando a preocupação mundial com a segurança pública na Cidade Maravilhosa durante a realização do maior evento do esporte mundial.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos