Volante do São Paulo cita Flamengo para se recuperar no Brasileiro

O volante Hudson é um dos líderes do elenco do São Paulo e, após empate em 1 a 1 com o Corinthians em meados de julho, chegou a dizer que o time havia aprendido a jogar e que dificilmente seria derrotado pelos rivais.

De lá para cá, no entanto, a equipe amargou mais três tropeços - cinco consecutivos na temporada - e agora busca inspiração no Flamengo para se recuperar. 

Na 11ª colocação do Campeonato Brasileiro com apenas 23 pontos, a equipe treinou nesta sexta-feira (5) pela primeira vez sem a presença de Edgardo Bauza, apresentado na mesma hora pela seleção da Argentina. Os trabalhos no CT da Barra Funda ficaram sob responsabilidade do interino André Jardine, que comandava a equipe sub-20 do clube paulista.

"A gente já conhece o trabalho do André, vira e mexe vem treinar aqui e tem uma certa liberdade com a gente. Isso facilita, ele nos conhece. Tem o Pintado, o René (Weber, coordenador técnico), pessoas que vão facilitar essa transição. Tende a dar certo, porque já é vitorioso na base. Futebol é movido a resultados. O menino assumiu o Flamengo, os resultados vieram e ele se firmou. Se nos adaptarmos ao André para fazer o trabalho e os resultados chegarem, ele pode ficar", projetou o camisa 25.

O "menino do Flamengo" citado por Hudson é Zé Ricardo, que foi campeão da Copa São Paulo de Juniores neste ano e promovido a técnico do profissional depois que Muricy Ramalho deixou o cargo para cuidar de problemas de saúde. Após período como interino, os resultados e o desempenho do time carioca melhoraram e a equipe passou a brigar pelo G4 - tem 31 pontos, em sexto lugar.

O volante admite que o cenário não anda nada favorável aos são-paulinos e lembra que apenas o retorno das vitórias no Brasileirão retomará a paz no Morumbi. É com essa visão que ele deixa subjetiva a opinião de que perfil de técnico precisa ser buscado pela diretoria e mantém uma esperança de que até mesmo com Jardine será possível reagir.
 
"Teve uma breve conversa, mais uma apresentação, e o Jardine mostrou que vai se doar ao máximo para a gente crescer junto. Ele é muito vitorioso na base e vamos trabalhar juntos. Claro que ter um interino não é um cenário ideal, mas os jogadores já conversaram para que alguns erros não voltem a acontecer e os resultados venham para diminuir a pressão", afirmou Hudson.

 

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos