William Matheus divide méritos da defesa do Fluminense com atacantes

Uma defesa bem postada e com bons números não é mérito apenas dos jogadores da linha defensiva. Esse é o entendimento do lateral-esquerdo William Matheus, que forma ao lado de Gum, Henrique e Wellington Silva, a zaga do Fluminense, que só não sofreu menos gols que Corinthians e Santos no Campeonato Brasileiro, que teve seu primeiro turno encerrado.

Para William Matheus, que atuou em seis rodadas do Brasileirão como titular no Fluminense, a recomposição defensiva feita pelos atacante é fundamental para o bom desempenho defensivo. A postura é um pedido de Levir Culpi.

- O Levir fala muito da ajuda dos atacantes. A defesa não é apenas composta pelos zagueiros e laterais. Nosso ataque está ajudando muito na hora de marcar. O pessoal de trás tem uma responsabilidade maior, ficamos felizes de tomar poucos gols e temos que manter assim - comentou o lateral-esquerdo.

Nas 18 rodadas que disputou no primeiro turno do Brasileirão até o momento - o jogo contra o Figueirense foi adiado e acontecerá no dia 3 de setembro -, o Fluminense sofreu 18 gols e marcou 20. Melhor defesa do Brasileirão, o Corinthians sofreu apenas 15 e é seguido pelo Santos, que foi vazado 17 vezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos