Vai começar! PSG abre o Francês na expectativa de continuar seu passeio

Supremacia. Esta palavra define bem as últimas temporadas do Paris Saint-Germain em competições nacionais. No último fim de semana, o clube goleou o Lyon, conquistou a Supercopa da França e apontou que o cenário deve se repetir, mesmo sem poder contar mais com o Zlatan Ibrahimovic - mullticampeão e maior artilheiro da história do clube, com 152 gols.

E é nesta sexta que os parisiense começam a trajetória rumo ao pentacampeonato francês. A equipe do técnico recém-contratado Unai Emery abre a Ligue 1 diante do Bastia, em casa, às 15h (de Brasília). Mesmo com o PSG não se mobilizando para contratar um substituto à altura de Ibra, a tendência é que continue passeando nos gramados do país.

Ao LANCE!, Bertrand Blais, repórter do jornal "L'Equipe", não titubeou e salientou que a única disputa no Francês será por vagas em torneios europeus e contra o rebaixamento, uma vez que o PSG deve confirmar seu amplo favoritismo na corrida pelo caneco.

- Em relação ao título, sem dúvida. Mesmo sem Ibra, já sabemos que o PSG será o campeão - enfatizou Blais.

Possíveis pedras no sapato do PSG

A missão dos outros 19 clubes não será fácil. Na temporada 2015/16, por exemplo, o clube da capital foi campeão com oito rodadas de antecedência (um recorde por lá). Bertrand Blais também comentou sobre quem pode esboçar ameaça, ou pelo menos equilibrar, e possíveis surpresas no bloco da frente.

- Acredito que o Bordeaux pode ser uma boa surpresa entre os líderes. Mas a tendência é que Monaco, com Vagner Love e Falcao García na frente, e Lyon briguem pelo vice, como foi na última temporada. Já o Marseille está uma zona e deve continuar sem brigar por nada - opinou o jornalista.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos