Ponte Preta é mais eficaz, vence o Figueirense e segue próxima do G4

Derrotada na rodada que encerrou o turno do Campeonato Brasileiro, a Ponte Preta mostrou eficácia diante de um apenas valente Figueirense na noite deste sábado, derrotando a equipe catarinense por 2 a 0, no Moisés Lucarelli, pela 20ª rodada da competição. Vitória conquistada com gols de Wendel e Roger e que mantém o time próximo do G4 ao término da rodada. Clique aqui e confira como foi o lance a lance do duelo em Campinas.

Graças a sua sétima vitória em Campinas pelo Brasileirão, a Ponte foi aos 30 pontos, se igualando ao Atlético-PR, mas ainda em oitavo na tabela, por conta dos critérios de desempate. O Flamengo, derrotado neste sábado, fecha o G4 com 34 pontos. Já o Figueirense segue com 21 e pode voltar para a zona de rebaixamento. Botafogo, Cruzeiro e Santa Cruz podem superar o Alvinegro catarinense neste domingo.

PRÓXIMOS JOGOS

A Ponte Preta voltará a atuar pelo Brasileirão no próximo domingo, dia 21, quando visitará o Palmeiras, no Allianz Parque, às 16h. Já o Figueirense, no mesmo dia, mas às 18h30, receberá o Cruzeiro, no Orlando Scarpelli.

PONTE SUPERIOR, MAS NADA DE GOLS

A Ponte Preta fez o que dela se esperava e tratou de pressionar o Figueirense desde os primeiros minutos, investindo, principalmente, em jogadas pelas laterais. A missão era transpor a marcação do Figueira, que tinha como primeiro objetivo conter o ímpeto rival para, depois, ganhar terreno e atacar.

Após três escanteios em sequência para a Ponte Preta, o Figueira levou perigo pela primeira aos 17, em finalização de Rafael Moura. Maycon, quase em cima da linha do gol, evitou o gol. A Ponte voltaria a ter mais volume de jogo na sequência e se queixou de pênalti não marcado de Elicarlos em Roger, que puxado dentro da área quando tentava cabeceio, aos 20. A Ponte teve mais finalizações, mas sem mostrar precisão. Já o Figueira não soube ser eficaz nas poucas chances que teve.

WENDEL COLOCA A PONTE NA FRENTE

Bastaram seis minutos de jogo na etapa final para a Ponte abrir o placar. Mais objetiva, a equipe de Campinas conseguiu envolver o Figueira em jogada pela esquerda. Wendel recebeu o passe de Roger e finalizou com força. Thiago Rodrigues tentou espalmar, mas falhou. Ponte na frente. Resultado justo pelo desempenho apresentado até então pela equipe da casa.

Argel Fucks bem que tentou garantir mais inspiração para o Figueirense ao optar pelas entradas de Maurides e Bady. Com a Ponte mais recuada na expectativa por contra-ataques, o Figueira passou a ter mais posse de bola. Mas faltou capacidade para concluir e vencer Aranha, que reestreou no gol da Ponte. Ponte que soube ser eficaz novamente. Cruzamento de Clayson, cabeceio de Wellington Paulista, que havia acabado de entrar, e gol de Roger, coroando uma ótima atuação.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 2 X 0 FIGUEIRENSE

Local: Moisés Lucarelli, Campinas (SP)

Data/hora: 13/8/2016 - 18h30

Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)

Auxiliares: Adailton Fernando Menezes (GO) e Edson Antônio de Sousa

Público/Renda: 3.754 pagantes/R$ 54.010,00

Cartões amarelos: João Vitor e Roger (PPO); Carlos Alberto e Ferrugem (FIG)

Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Wendel, 6'/2ºT(1-0) e Roger, 38'/2ºT(2-0).

PONTE PRETA: Aranha, Nino Paraíba, Fábio Ferreira, Douglas Grolli e Reinaldo; João Vitor, Wendel (Abuda, 40'/2ºT) e Maycon; Clayson (Jeferson, 46'/2ºT) Roger e William Pottker (Roger, 37'/2ºT) - Técnico: Eduardo Baptista.

FIGUEIRENSE: Thiago Rodrigues, Jeferson, Marquinhos, Bruno Alves e Pará; Elicarlos, Ferrugem (Yago, 40'/2ºT) e Carlos Alberto; Ermel (Bady, 31'/2ºT), Rafael Moura (Maurides, 16'/2ºT) e Lins - Técnco: Argel Fucks.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos