Oliveira celebra gols no BR-16 e é solidário a Robinho: 'Fez escolhas'

Acostumado a ser artilheiro, Ricardo Oliveira fez seus primeiros gols no Campeonato Brasileiro neste domingo, na 20ª rodada, diante do Atlético-MG. O período sem balançar as redes se deve ao fato de ter tratado uma inflamação no joelho direito por dois meses.

O camisa 9 foi o autor do segundo e do terceiro gol do Peixe na vitória por 3 a 0 sobre o Galo e celebrou os primeiros tentos no Nacional.

- Acho que o meu papel dentro do time é dar o meu máximo, hoje meu melhor foram dois gols, participação tática e ao mesmo tempo sendo efetivo nas chances que eu tive, apesar de duas claras no primeiro tempo, no segundo tempo pude fazer dois gols - disse o centroavante.

Em relação a Robinho, que teve atuação apagada e recepção hostil na Vila Belmiro, Oliveira foi solidário e disse acreditar que a nação santista ainda mantém a idolatria por Robinho, bicampeão brasileiro.

- Reconhecemos o que Robinho representa para a instituição. Ele tomou decisões na vida e nós temos que tomar decisões. Tenho certeza que essa galera tem ele no coração. Fez tudo pelo Santos. Eu, aos poucos, vou construindo uma história bonita. Fico feliz e honrado em fazer parte desta instituição centenária - completou.

O motivo da revolta da torcida do Santos com Robinho é pelo fato do atacante ter negociado com o clube, mas ter preferido o Atlético-MG por questões financeiras.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos