São Paulo não pagou multa para tirar Ricardo Gomes do Botafogo

O São Paulo não pagou multa rescisória para tirar Ricardo Gomes do Botafogo. O clube tampouco colocou multa no contrato que fez com o treinador, que acertou nesta semana seu retorno ao Morumbi, onde passou de 2009 e 2010.

No Botafogo há mais de um ano, Ricardo Gomes resistiu para deixar o clube carioca. A oportunidade de desenvolver um novo trabalho no Tricolor, no entanto, o seduziu e ele se desligou do Glorioso na última sexta-feira.

Ricardo não foi ao Morumbi neste domingo, no duelo entre São Paulo e Botafogo. O treinador está no Rio de Janeiro com o diretor-executivo do Tricolor Gustavo Vieira de Oliveira. Eles acertam os últimos detalhes antes da chegada do comandante, escolhido para substituir Edgardo Bauza. O interino André Jardine comanda os paulistas, enquanto Jair Ventura assume os cariocas.

O São Paulo pretende apresentar Ricardo Gomes entre terça-feira e quarta-feira no CT da Barra Funda. Na primeira passagem, ele brigou pelo título brasileiro em 2009 até a última rodada e foi semifinalista do Paulista e da Libertadores, em 2010.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos