Terceira melhor na trave, Biles diz que Flavinha é quem merecia bronze

Uma das principais esperanças de medalha para o Brasil na ginástica artística, Flávia Saraiva não subiu no pódio na prova de trave. Mas merecia. Ao menos é o que afirmou a ginasta estadunidense Simone Biles, sensação da Rio-2016.

Em conversa com a imprensa após a final da prova de trave, na tarde desta segunda-feira, Biles confessou que era Flavinha quem deveria ter ficado com o terceiro lugar no pódio. Foi a estadunidense a dona da terceira melhor nota (14,733 contra os 14,533 da brasileira, quinta colocada).

- Achei que a Flávia ficaria com a medalha. Ela merecia. De qualquer forma, estou feliz, porque qualquer coisa é melhor do que cair. Eu vi a apresentação da Flávia e ela foi ótima. Assim, eu esperava que esta medalha [de bronze] ficasse com ela - declarou Biles.

E se Biles falou, deve ser respeitada. Isso porque a estadunidense de apenas 19 anos conquistou nada mais nada menos do que quatro medalhas em sua primeira participação olímpica. No Rio de Janeiro, foram três ouros (equipe, individual geral e salto), além do bronze na trave.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos