Rincón é absolvido da acusação de pertencer à rede de narcotráfico

Julgado por um tribunal do Panamá, o ex-jogador Freddy Rincón, ídolo do futebol colombiano nos anos 90 e com passagem por vários clubes brasileiros, foi absolvido das acusações de envolvimento com o narcotráfico.

O ex-atacante teve o nome ligado a Joaquín Rayo Montaño, condenado há dez anos de prisão por transportar cerca de 20 toneladas de cocaína entre Colômbia, Venezuela, Estados Unidos e Europa.

Rayo foi preso no Brasil em 2006 por uma operação antidroga chamada "Oceanos Gêmeos". Ele comandava cinco grupos que movimentavam o comércio de drogas e armas na Colômbia, Guatemala, Panamá e Estados Unidos.

Acusado de pertencer à rede mafiosa, Rincón jogou por Palmeiras, Corinthians, Cruzeiro e Santos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos