Atleta da Moldávia é flagrado no doping e perde medalha na canoagem

A Comissão Disciplinar do Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou na manhã desta sexta-feira que Seghei Tarnovschi, da Moldávia, perdeu a medalha de bronze na disputa do C1 1.000m na canoagem velocidade por ter sido flagrado em um exame antidoping. A decisão foi tomada no dia anterior, horas depois de a Federação Internacional de Canoagem anunciar o resultado adverso.

Com tal decisão, a medalha de bronze passou agora para o russo Ilia Shtokalov. Vale lembrar que a primeira colocação na prova foi do alemão Sebastian Brendel, com o brasileiro Isaquias Queiroz em segundo.

Tarnovschi já tinha sido suspenso preventivamente por conta do doping. Assim, ele ficou fora da prova do C2 1.000m, com eliminatórias marcadas para a manhã desta sexta. O exame que flagrou o atleta foi realizado em um período antes dos Jogos Olímpicos, e a substância irregular não chegou a ser anunciada.

Agora, o competidor da Moldávia deve ser julgado para ter sua punição anunciada. Mesmo assim, ele já não possui mais sua principal conquista da Rio-2016.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos