O sucesso da NBA House: atrativos para todas as idades, carisma de Meyinsse e 'reinado' de LeBron

Não tem como ficar de fora. Com a expectativa de receber 50 mil pessoas até domingo, a NBA House é um dos pontos mais procurados e divertidos do agradável Boulevard Olímpico, no Cais do Porto, durante a Rio-2016. E as atrações são proporcionais ao tamanho da liga americana de basquete.

Localizado no Armazém da Utopia, o espaço surpreende pelo número de crianças e famílias entretidas. Ou seja, se engana quem não visitou e acha que há atrativos apenas para os fãs do esporte.

Durante o passeio gratuito, as pessoas, que precisam encarar alguns minutos (ou até horas) na fila, se deparam lendas da NBA, bolas oficiais, loja autorizada, DJs, competições de enterradas, tirar foto com mascotes e o troféu. Além disso, a cereja do bolo: poder bater uma bolinha e participar de desafios.

Meyinsse: saudade do Fla e do açaí e defesa ao Biscoito Globo

Ídolo do Flamengo, o pivô Jerome Meyinsse, que recentemente saiu do clube rubro-negro, é o animador oficial da casa. Carismático e irreverente, o Grandão falou da sensação de ser o embaixador da maior liga do mundo.

- É incrível. Ser embaixador da NBA e receber tanta gente que ama basquete... É importante e a gente vê que o número de fãs só cresce por aqui. A NBA colabora muito para isso - disse Meyinsse ao

Aos 27 anos, Meyinsse, que está a caminho do San Lorenzo, da Argentina, também revelou as atividades que mais deixam saudade nele na despedida do Rio de Janeiro.

- Vou sentir muita falta do açaí. E também de jogar para a torcida do Flamengo - comentou o americano, que, logo em seguida, brincou ao dizer que o jornalista do The New York Times que cornetou o popular Biscoito Globo está "todo errado".

Rei reinando no Rio

Na loja oficial dentro da NBA House, a camisa de jogo mais procurada é a do LeBron James, que não está com a seleção americana nos Jogos, mas recentemente conquistou seu terceiro título na Liga, o primeiro pelo Cleveland Cavaliers. Ele não é chamado de Rei à toa...

- A do LeBron é disparadamente a que mais vende. Outra também que tem saído bastante é a do brasileiro Felício, do Chicago Bulls. Temos produtos por preços populares e temos vendido de forma absurda. Esgotando os estoques antes do esperado - disse a vendedora Tássila Basílio, de 23 anos.

Esta é a quinta edição do evento, que já passou por Nova Iorque duas vezes (Estados Unidos, ambas em 2015), Madri (Espanha, em 2014) e Londres (Inglaterra, em 2012). A NBA House funcionará até o dia 21 de agosto, no Armazém da Utopia, das 10h às 20h. Corre lá que dá tempo!

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos