Estados Unidos terminam a Rio-2016 na ponta. Brasil fica fora do top 10

Após quatro semanas de intensas disputas, enfim, chega ao fim a Olimpíada do Rio de Janeiro. Foram 91 quebras de recordes olímpicos, 27 de marcas mundiais, medalhistas inéditos, novas promessas, velhos conhecidos... Os Jogos foram um prato cheio ao amante do esporte que viu dois momentos históricos no quadro de medalhas: a liderança dos Estados Unidos pela quinta vez nos últimos 20 anos, e um recorde de láureas do Brasil.

Os donos da casa conseguiram superar todas as suas marcas nos Jogos do Rio. Em ouros, foram sete conquistas, superando as cinco da Olimpíada de Atenas (GRE), em 2004. Já o total de medalhas, 19, foi superior à obtida em Londres (ING), em 2012, quando o país fez 17 "visitas" ao pódio.

Entre os destaques brasileiros estão Isaquias Queiroz, dono de três medalhas no Rio, sendo o primeiro atleta do país a conseguir o feito (duas pratas e um bronze), Thiago Braz, quinto medalhista de ouro no atletismo do Brasil, o boxeador Robson Conceição, ouro em sua categoria, as velejadoras Martine Grael e Kahena Kunze, estreantes e campeãs, as Seleções masculinas de futebol e vôlei, e a dupla Alison e Bruno, do vôlei de prata, que também subiram ao lugar mais alto do pódio no Rio de Janeiro.

Já os Estados Unidos, que fecharam os Jogos com 121 medalhas, sendo 46 de ouro, 37 de prata e 38 de bronze, terminaram na frente pela quinta vez nos últimos 20 anos. De Atlanta (EUA), em 1996, até hoje, os americanos ficaram fora da ponta apenas uma vez, superados pelos donos da casa em Pequim (CHN), em 2008.

O destaque maior do time americano fica por conta de Michael Phelps. O maior campeão olímpico da história deixou o Rio de Janeiro com mais seis láureas em sua mala, sendo cinco de ouro e uma de prata, encerrando sua carreira com 28.

Confira abaixo o quadro de medalhas da Rio-2016 (15 primeiros/por ouros):

1º - Estados Unidos - 121 medalhas - 46 ouros / 37 pratas / 38 bronzes

2º - Grã-Bretanha - 67 medalhas - 27 ouros / 23 pratas / 17 bronzes

3º - China - 70 medalhas - 26 ouros / 18 pratas / 26 bronzes

4º - Rússia - 56 medalhas - 19 ouros / 18 pratas / 19 bronzes

5º - Alemanha - 42 medalhas - 17 ouros / 10 pratas / 15 bronzes

6º - Japão - 41 medalhas - 12 ouros / 8 pratas / 21 bronzes

7º - França - 42 medalhas - 10 ouros / 18 pratas / 14 bronzes

8º - Coréia do Sul - 21 medalhas - 9 ouros / 3 pratas / 9 bronzes

9º - Itália - 28 medalhas - 8 ouros / 12 pratas / 8 bronzes

10º - Austrália - 29 medalhas - 8 ouros / 11 pratas / 10 bronzes

11º - Holanda - 19 medalhas - 8 ouros / 7 pratas / 4 bronzes

12º - Hungria - 15 medalhas - 8 ouros / 3 pratas / 4 bronzes

13º - Brasil - 19 medalhas - 7 ouros / 6 pratas / 6 bronzes

14º - Espanha - 17 medalhas - 7 ouros / 4 pratas / 6 bronzes

15º - Quênia - 13 medalhas - 6 ouros / 6 pratas / 1 bronzes

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos