Novo treinador da Bélgica escolhe Henry como assistente técnico

O novo treinador da Bélgica, Roberto Martínez, anunciado no início do mês, vem montando um staff de peso. Ele terá ao seu lado como assistente técnico o ex-atacante Thierry Henry, que já ocupava o cargo no Arsenal. O francês deixou o clube inglês depois que o comandante Arsène Wenger exigiu que ele escolhesse entre a carreira no futebol ou de comentarista.

Com a função de assistente técnico da Bélgica, Henry não precisará abandonar seu cargo no canal britânico "Sky Sports". O francês terá

a companhia de Graeme Jones na seleção. Ele é braço-direito de Martínez e o acompanhou em clubes como Swansea, Wigan Athletic e Everton.

Além de Henry e Graeme Jones, Richard Evans, preparador físico que trabalhou com Roberto Martínez nos clubes ingleses, também foi anunciado na seleção belga.

Henry agradeceu o convite para ser assistente técnico da Bélgica.

- Honrado em ser treinador assistente da Bélgica. Obrigado a Roberto Martinez e a Federação Belga de Futebol. Muito animado. Mal posso esperar - disse o ex-jogador, por meio das redes sociais.

- Thierry Henry está na situação para adicionar um espirito vencedor. Estou muito satisfeito que a Federação Belga tem sido capaz de criar um Staff impressionante - afirmou, por meio do Twitter.

Martínez assumiu a Bélgica no lugar de Marc Wilmots, que não conseguiu levar a 'geração de ouro' do país, como vem sendo conhecido o time nacional, na Eurocopa. Os belgas caíram nas quartas de final, perdendo por 3 a 1 para País de Gales.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos