Carli e Canales lideram tentativa de recuperação de estrangeiros

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo

A fase não é boa para quem joga no Botafogo e não fala português. Os cinco estrangeiros da equipe, por diferentes motivos, estão fora do time titular e sem perspectivas tão otimistas de recuperarem as posições. Destes, quem está numa condição menos delicada é Carli. O zagueiro argentino está recuperado de lesão, mas o bom momento dos titulares Renan Fonseca e Emerson inviabilizam uma modificação no miolo da zaga.

"Estamos há dois jogos sem tomar gols, então não tem motivo para mexer. Ele (Carli) perdeu posição pela lesão e está esperando. Estou satisfeito pelo momento da zaga. Ele e todos os demais devem esperar e buscar espaço. É meritocracia: quem estiver melhor vai jogar", garante o técnico Jair Ventura.

Quem deveria ser titular também é Canales. O argentino naturalizado chileno foi contratado para isso, mas não fez gol nos seis jogos que disputou e ainda teve um problema particular para resolver no Chile nos últimos dias. Não passou de um susto, como o próprio definiu recentemente, e voltou ao Rio, mas a fase ruim calhou de coincidir com o crescimento de Sassá.

Além deles, o argentino naturalizado boliviano Lizio se recupera de lesão e, no mês que vem, deve estar de volta aos treinos com o grupo, após cirurgia no púbis. Ele segue com apenas um gol em ínfimos oito jogos desde o início do ano. Ainda há o argentino Nuñez e o uruguaio Salgueiro, dois que não conseguem se firmar como titulares.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos