Santa Cruz quer voltar a balançar as redes no Brasileirão

Atualmente, o sistema ofensivo do Santa Cruz está vivendo uma fase de seca. Maior nome da equipe, Grafite não marca há nove partidas. Problema compartilhado por quase toda a equipe. Nas últimas cinco rodadas do Campeonato Brasileiro, o Tricolor só vazou a defesa adversária em três oportunidades.

- A gente se cobra dentro de campo. É difícil passar jogos sem fazer gols, mas o mais importante é o time estar bem. Eu, Grafite e Pisano nos cobramos muito. Atacantes vivem de gol e essa cobrança vai acabar quando o primeiro sair - declarou Keno.

O ataque do Santa Cruz é o quarto pior da Série A, com 22 gols marcados encara nesse domingo o melhor ataque, o Cruzeiro, no Mineirão, às 11h que nos últimos cinco jogos, a Raposa marcou nove vezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos