Sem CR7 e Benzema, Real sofre para vencer o Celta no Bernabéu

O Real Madrid propôs ao Celta de Vigo um jogo franco e aberto no Santiago Bernabéu. Como resultado, os Blancos criaram diversas chances, mas cederam espaços generosos atrás. No balanço total, a estreatégia deu certo: vitória do time da capital por 2 a 1, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Espanhol.

Os Merengues mantêm o aproveitamento de 100% e aguardam a sequência de resultados para saber se garantirão a ponta isolada ao fim desta jornada.

O primeiro tempo foi um bombardeio do Real Madrid contra o gol do Celta. Modric arriscou duas vezes. A trave salvou o Celta na primeira, e o goleiro Álvarez se consagrou no lance seguinte. Sem Benzema e Cristiano Ronaldo, os Blancos não encontravam soluções para chegar mais próximo da área adversária.

Os galegos mostraram que não vieram ao Santiago Bernabéu apenas para ficar encurralados. O time saiu em bons contra-ataques e também tiveram chances de tirar o zero do placar.

O Real continuou fazendo o goleiro Álvarez trabalhar. O goleiro pegou quase tudo. Morata, no rebote do melhor jogador do Celta, abriu o placar para os Merengues.

O Celta de Vigo não se entregou e empatou pouco depois, com Orellana. O chileno mandou uma bomba cruzada, sem chance para Casilla. Porém, os Blancos retomaram a vantagem e a tranquilidade. Kroos, que não estava bem na partida, chutou da entrada da área, no cantinho do goleirão adversário.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos