Camilo revela problema no ombro e projeta agora melhora em sequência

Nas últimas partidas do Botafogo, mesmo participativo, Camilo não repetiu o nível das exibições da sua chegada, quando decidiu com gols e assistências. Mas essa queda de rendimento tem um motivo, segundo o próprio meia: um edema no ombro que ele sofreu no jogo contra o Bragantino, pela Copa do Brasil, na Arena Botafogo. Camilo revelou que, desde então, não vinha jogando 100%, se poupando de entrar em algumas divididas dentro de campo:

- Desde o jogo contra o Bragantino eu tive um problema no ombro e vinha jogando com um edema. O doutor havia falado que ia demorar um tempo, mas esse tempo agora está acabando, graças a Deus. Algumas partidas estive muito abaixo do que poderia jogar. Posso citar as partidas contra Ponte Preta, São Paulo... que tive um pouco de medo, e vinha tratando até hoje - revelou.

Contudo, o botafoguense agora pode se tranquilizar. Segundo o camisa 10, a questão no ombro já está recuperada e ele projeta uma maior evolução na quinta, contra o Cruzeiro, voltando ao nível de quando chegou ao clube:

- Já está bem menos essa dor e estou focando e com a gana de vencer no Botafogo. Espero crescer, como estava antes, brigando mais, disputando mais essas bolas de corpo a corpo... onde nesses últimos jogos eu tive essa questão do ombro e tive que poupar um pouco. Agora estou focado na sequência e espero ir bem contra o Cruzeiro - concluiu o camisa 10 do Botafogo.

Camilo subiu ao campo na atividade desta terça-feira. Ele foi um dos poucos titulares que apareceram no gramado na atividade técnica comandada por Jair Ventura nesta terça-feira, que contou somente com os reservas. O meia deu voltas no campo e demonstrou estar, cada vez mais, recuperado do problema que veio prejudicando seu futebol nos últimos jogos do Alvinegro no ano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos