Triste por ser chamado de burro, Jorginho liga sinal de alerta

O Vasco deixou a desejar e acabou derrotado por 2 a 1 pelo Vila Nova, em São Januário, na noite desta terça-feira. A quinta partida sem vitória do time acabou irritado a torcida, que descontou no técnico Jorginho, o chamando de 'burro' no fim do jogo. Chateado com a reação dos torcedores, o treinador deixou o gramado gesticulando de forma irônica. Na coletiva, o comandante vascaíno admitiu que ficou triste com a reação, mas disse que entende.

- Em primeiro lugar, eu sou um ser humano, e assim, nós temos sentimentos. Então, chamar de burro, ofensa a família... Eu fiquei muito triste. Mas eu sou muito grato a torcida do Vasco pelo carinho recebido em vários momentos. Passamos momentos piores do que esse. Então, eu fiquei muito triste. eu entendo o torcedor - disse o técnico.

Jorginho reconheceu os erros do Vasco e disse que o sinal de alerta já está ligado na equipe. Segundo ele, os jogadores estão cientes de que precisam melhorar.

- Infelizmente não deu. O sinal de alerta está dado, os jogadores sabem disso. Fizemos um primeiro tempo não tão bom, falamos isso no vestiário. No segundo foi melhor. Então, vamos seguindo trabalhando.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos