Após time ser goleado em casa, Jair pede: 'Não temos que ficar remoendo'

Depois de perder por 5 a 2 para o Cruzeiro, em casa, o pela Copa do Brasil, o técnico Jair Ventura concedeu coletiva na Arena Botafogo. Para ele, a única forma de esquecer o resultado atípico na competição é focando em outra: o próximo compromisso é pelo Brasileiro, contra o Grêmio, também na Ilha.

- Temos que virar a chave. Temos um jogo importantíssimo no domingo e não podemos ficar remoendo essa derrota. Vamos corrigir os erros. Tentar fazer um grande jogo contra o Grêmio. São todos profissionais, homens e sabemos que passou. Estamos muito tristes, e a torcida tem todo o direito de estar chateada. Mas é trabalhar muito para fazer um grande jogo contra o Grêmio - disse.

Perseguidos pela torcida no decorrer de jogo, a dupla de zaga composta por Renan Fonseca e Emerson estiveram muito abaixo do esperado. E Jair tratou de passar panos quentes e eximir a culpa da dupla por uma eventual derrota:

- Série de fatores. Não teve papo ainda. E não foi só a defesa que perdeu, fomos todos nós. Aqui é um esporte coletivo, quando ganha, ganha todo mundo. E quando perde, perde todo mundo. Uma situação atípica e um placar atípico - completou o comandante botafoguense na coletiva pós-jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos