Cubana do atletismo perde medalha conquistada em Pequim por doping

A cubana Yarelys Barrios, medalhista de prata no lançamento de disco nos Jogos Olímpicos de Pequim-2008, teve o resultado anulado nesta quinta-feira, por decisão do Comitê Olímpico Internacional (COI). A reanálise de uma amostra da época apontou resultado positivo para uso da substância acetozolamida, um diurético proibido pela Agência Mundial Antidoping (Wada).

A ucraniana Olena Antonova, que havia levado o bronze, herdará a prata, enquanto a quarta colocada na prova, a chinesa Song Aimin, ganhará o terceiro lugar.

A medalha de ouro na ocasião ficou com a americana Stephanie Brown Trafton.

Barrios também foi medalhista de bronze em Londres-2012 e nos Mundiais de 2011 e 2013, além de faturar a prata nos Mundiais de 2007 e 2009.

A mesma análise anulou o resultado do catari Samuel Francis, que terminou os 100m rasos em 16º na Olimpíada de Pequim. Ele foi flagrado com Estanozolol, um esteroide anabólico.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos