Por comissão de Montillo, Santos tem parte de venda de Gabigol bloqueada

Dos R$ 64,8 milhões que o Santos vai receber da Inter de Milão (ITA) pela venda de Gabigol, o clube só ficaria com R$ 52, já que tem que repassar uma parte ao Doyen Sports, que tinha 20% do atacante. Agora, o Peixe deverá ficar com cerca de R$ 1,1 milhão a menos.

Uma decisão judicial dada nesta semana, em Santos, vai bloquear R$ 1.157.639,96 do montante pago pelos italianos assim que o dinheiro chegar no Brasil por causa de uma dívida do clube com a empresa Kirin Soccer, que intermediou a venda de Montillo para o Shandong Luneng, da China, em 2014. A informação foi divulgada pelo Globoesporte.com e confirmada pelo LANCE!.

A dívida no total era de 400 mil euros, valor combinado à época, e só havia sido paga parcialmente. O Santos pretende recorrer.

A diretoria santista não pretendia investir todo o dinheiro da venda no futebol agora, já que o Santos tem outras dívidas a serem pagas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos