Sem Copete, Dorival dá chance a garoto em treino do Santos

Duas horas de trabalho com bola dos mais variados tipos. Dois toques, campo reduzido, marcação, passe entre linhas... É desta forma que o técnico Dorival Júnior aproveita o tempo livre para treinar o Santos antes de encarar o Internacional, no dia 8, no Beira Rio.

Além dos fundamentos, o treinador santista fez outra obervação mais apurada. Sem Copete, que foi preservado por sentir incômodo no músculo adutor, e Lucas Lima, que está na Seleção Brasileira, o garoto Matheus Oliveira, de 19 anos, foi testado.

Ao lado de Vladimir; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Caju; Renato, Thiago Maia, Elano, Vitor Bueno, Jean Mota e Rodrigão, o garoto do sub-20 teve alguns minutos, atuando pelos lados. Depois, deu lugar a Vecchio.

Vanderlei não fez parte da atividade porque foi liberado para acompanhar o nascimento da filha. Ricardo Oliveira não fez o treino coletivo para se dedicar a fortalecimento muscular.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos