Com dores no púbis, Messi não viaja à Venezuela, diz imprensa argentina

Autor do gol da vitória da seleção argentina sobre o Uruguai pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, Lionel Messi não enfrentará a Venezuela na terça, segundo informações da imprensa argentina, como a Fox Sports local.

O craque reclama de dores no púbis, e informou que já vinha sentindo dores no local durante os treinos pelo Barcelona.

- Dói muito o púbis desde antes da partida. Vamos ver a situação, eu quero sempre estar em campo. Sempre falo isso, mas também teremos muitos jogos importantes - afirmou Messi.

De acordo com as emissoras locais, a Associação de Futebol da Argentina (AFA) optou por não levá-lo para a Argentina para não interferir na condição física.

Messi começou a sentir dores no púbis após o jogo entre Barcelona e Athletic Bilbao no último final de semana. Antes de se apresentar na seleção, ele realizou exames médicos e logo em seguida foi liberado.

- Não enganei ninguém. Naquele momento, falei exatamente o que sentia - afirmou Messi, ao "Clarín".

Segundo o técnico Edgardo Bauza, a dor na região da virilha não causou estranheza, mas pode ausentar o craque da próxima terça-feira.

- Não sabemos se Messi terá condições de jogar na Venezuela. Terminou a partida dolorido, sabíamos que isso aconteceria. O bom é que ele conseguiu suportar a dor e isso revela sua coragem - reconheceu Bauza, antes de completar:

- Vamos esperar 48 horas e ver como Messi responderá ao descanso e, com certeza, a algum medicamento. Vamos conversar com ele para ver como está e se poderá enfrentar a Venezuela.

Apesar das dores, o comandante elogiou o desempenho de Messi em campo e exaltou sua postura e dedicação ao time nacional.

- Messi não tem uma lesão, e sim uma inflamação. Analisaremos se ele terá condições de jogar e não arriscaremos absolutamente nada. Vamos esperar para ver como está. Sua personalidade fez com que permanecesse em campo e ajudasse a equipe a vencer. Levando em conta a dor que sentia, fez uma grande partida - encerrou.

Na segunda-feira, o craque chegou a ser avaliado pelos médicos do Barcelona e foi liberado pelos profissionais. Porém com a orientação de que fosse cauteloso em campo. Mesmo sentindo dores, entrou em campo na quinta-feira pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018.

A Argentina lidera a competição com 14 pontos e, na próxima terça, enfrenta a Venezuela, fora de casa, na cidade de Mérida.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos