Presidente do Grêmio critica Estádio Luso-Brasileiro

No Rio de Janeiro para acompanhar o duelo entre Botafogo e Grêmio, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan jr, teceu críticas ao gramado do Estádio Luso-Brasileiro, onde o Bota tem mandado suas partidas pois o Engenhão está cedido ao COI.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, o dirigente destacou que até mesmo times do interior do Rio Grande do Sul conseguem jogar em estádios melhores.

- Este estádio tem estrutura de interior do Gauchão. Tem alguns clubes no Rio Grande do Sul, inclusive, com estrutura melhor que esta- afirmou.

Ao longo da semana, o treinador Roger Machado e o zagueiro Wallace Reis também mostraram-se descontentes com a situação do gramado. O comandante falou em adaptação ao estádio.

-Se o gramado não está tão bom, teremos de nos adaptar ao que o jogo vai oferecer. Visualmente, olhando a diferença da linha lateral do campo, parece ter diferença. Vamos testar no momento - disse na última sexta-feira.

O campo lá é muito ruim. Para a nossa característica de bola no chão e posse, isso vai dificultar um pouco. Teremos de nos adaptarmos ao campo o mais rápido possível, já que não é favorável para o nosso estilo de posse de bola- completou o zagueiro Wallace Reis.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos