Com arbitragem polêmica, Inter encerra jejum e vence o Santos

Jogo aparentemente controlado, mas só até o fim do primeiro tempo. Em um duelo que parecia disputado entre Internacional e Santos no Beira Rio, os holofotes direcionados para a arbitragem. Rodrigo Batista Raposo deu o segundo cartão amarelo para Lucas Lima, que demorou a cobrar um escanteio, e, com a expulsão, mudou o rumo da partida, que estava empatada e terminou 2 a 1 para os donos da casa, que encerraram um jejum de 14 jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro.

O mais provável se desenhou quando o Santos abriu o placar com Ricardo Oliveira, após o Peixe fazer o que treinou a semana toda: pressionar a defesa colorada. Geferson deu passe errado, e Oliveira chutou de fora da área para fazer 1 a 0.

A reação do Inter foi imediata. Logo após fazer o primeiro, o Alvinegro recuou, defeito recorrente da equipe de Dorival Júnior em jogos fora.

Nico López foi o maior perigo do Internacional para a defesa santista, que rondava a área de Vanderlei, até que Seijas arriscou de longe, contou com desvio de Gustavo Henrique e enganou Vanderlei para empatar.

Com um a menos, o Santos recuou ainda mais e tratou o empate como principal objetivo no Beira Rio. O recuo foi ainda mais prejudicial ao Peixe, que esperou o time comandado por Celso Roth, para tentar sair em contra-ataques.

Mas na segunda etapa, a virada dos gaúchos parecia questão de tempo. Pelos lados do ataque, com a dupla Nico López e Seijas, o Inter bombardeou o Alvinegro, mas a virada veio na bola parada. Valdívia cabeçou após escanteio, Vanderlei espalmou para cima, e Aylon ficou livre para esperar a bola cair e tocar para o fundo das redes, para acabar com a sequência do Internacional de 14 jogos sem vencer no Brasileirão.

A vitória fez o Inter respirar mais aliviado fora da zona de rebaixamento. Já o Santos fica mais uma rodada fora do G4 e vai para o clássico contra o Corinthians sem Lucas Lima e Ricardo Oliveira e cada vez mais pressionado para voltar a vencer, o que não acontece há três rodadas.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 X 1 SANTOS

Local: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Data-Hora: 8/9/2016 - 21h

Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF)

Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Júnior (DF)

Público/renda: 29.996 pagantes/R$ 763.100,00

Cartões amarelos: Eduardo Henrique, Anselmo, Fabinho (INT); Ricardo Oliveira, Victor Ferraz e Gustavo Henrique (SAN)

Cartões vermelhos: Lucas Lima (SAN)

Gols: Ricardo Oliveira 29' 1ºT (0-1); Seijas 41' 1ºT (1-1); Aylon 16' 2ºT (2-1)

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; William, Paulão (Eduardo 3' 1ºT), Ernando e Geferson; Fabinho, Alselmo (Eduardo Henrique - intervalo), Seijas e Valdívia (Alex 33' 2ºT); Aylon e Nico López. Técnico: Celso Roth.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz (Rodrigão 40' 2ºT), Gustavo Henrique, Luiz Felipe e Zeca; Renato, Léo Cittadini (Jean Mota 24' 2ºT), Vitor Bueno (Walterson 23' 2ºT) e Lucas Lima; Copete e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos