Com final agitado, Vasco empata com Goiás e segue na ponta da Série B

Vasco e Goiás fizeram um duelo equilibrado, onde a emoção reinou nos 20 minutos finais. Diante deste cenário, o empate por 1 a 1, nesta terça-feira, no Serra Dourada, pela 25ª rodada da Série B, foi justo para as duas equipes. Marcelo Mattos e Leo Gamalho marcaram os gols da partida.

Com o resultado, a equipe do técnico Jorginho chegou aos 45 pontos e segue na liderança. No entanto, o Atlético-GO chegou a mesma pontuação com o triunfo diante do Bragantino, mas é superado no critério de desempate. Por outro lado, a distância para o Londrina, quinto colocado, é de sete pontos. O Goiás chegou a 31 pontos e abriu quatro pontos para o Z4.

O JOGO

A etapa inicial reservou poucas emoções, sobretudo para o Vasco. O Cruz-Maltino esbarrava em um jogo de pouca criatividade e dificuldades de articulação nas jogadas ofensivas. Douglas Luiz, que melhorou a saída de bola como primeiro homem, era obrigado a centrar o jogo com Nenê e Andrezinho, bem marcados e pouco inspirados.

A única chance de maior perigo do Gigante da Colina veio em jogada individual de Junior Dutra, que não caprichou na hora de deixar Éderson em condições de marcar. Novamente a equipe de Jorginho encontrou dificuldades em encarar um adversário que deixa sua marcação plantada e explora contra-ataque.

Por conta disso, o Goiás foi superior nos primeiros 45 minutos. Não realizou um jogo consistente, mas teve maior volume ofensivo e a melhor chance no chute de Leo Sena, que pegou na trave (Martin Silva ainda desviou). No rebote, o zagueiro Felipe Macedo perdeu chance incrível.

Na volta do intervalo, Jorginho já promoveu as entradas de Alan e Marcelo Mattos nas vagas de Henrique e Éderson, respectivamente. As mudanças, que influenciaram na organização tática do Vasco, melhoraram o desempenho da equipe, que passou a dominar e criar chances de perigo para o goleiro Márcio.

O Goiás demorou a assimilar a mudança de postura do adversário. O Cruz-Maltino, com isso, tentava aproveitar a situação para ficar em vantagem. Contudo, o Esmeraldino tinha Leo Sena (melhor jogador dos donos da casa), que novamente obrigou Martín Silva a fazer boa defesa.

O jogo ficou aberto. Mas foram os detalhes que definiram o placar. Primeiro na falta infantil de Juninho, que Nenê cobrou e Marcelo Mattos (um pouco adiantado) marcou para o Vasco após duas tentativas. Depois na entrada de Leo Gamalho, que na primeira tentativa parou em Martín Silva, mas na segunda aproveitou falha de Jomar e deixou tudo igual.

Os minutos finais foram frenéticos. As duas equipes tiveram chances de sair com a vitória, mas o empate era o resultado mais justo.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 1X1 VASCO

Estádio: Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Data/hora: 10/9/2016 - 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Adriano Milczvski (PR)

Auxiliares: Andre Luiz Severo (PR) e Diogo Morais (PR)

Renda e público: R$ 172.595,00 - 13.344 pagantes

Cartões amarelos: Juninho e Carlos Eduardo (GOI); Henrique, Alan e Jomar (VAS)

Gols: Marcelo Mattos - 30'/2ºT (0-1) e Leo Gamalho - 40'/2ºT (1-1)

GOIÁS: Márcio, Ednei, Felipe Macedo, Alex Alves e Juninho; Adriano (Murilo - 33'/2ºT), Patrick, Leo Sena e Daniel Carvalho (David - 10'/2ºT); Carlos Eduardo e Marcão. Técnico: Gilson Kleina.

VASCO: Martin Silva, Madson, Luan, Rafael Marques e Henrique (Alan - intervalo); Douglas, Yago Pikachu, Andrezinho (Wllian - 38'/2ºT) e Nenê; Junior Dutra e Éderson (Marcelo Mattos - intervalo). Técnico: Jorginho.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos