Menina de três meses é obrigada a pagar entrada em jogo na Espanha

Um fato insólito marcou a última rodada da Segunda Divisão do Campeonato Espanhol. Em todo mundo, crianças entram de graça nos jogos de futebol. Não foi o que aconteceu no país ibérico, no empate entre o anfitrião Córdoba e o Real Jaén (1 a 1). O dono da casa cobrou dez euros (R$ 37) para um bebê de apenas três meses, acompanhado pelos pais. Mesmo sem concordar, o casal pagou o valor e acompanhou a partida.

- É a primeira vez que acontece isso. Vamos a numerosos estádios apoiar o Jaén com nossa filha. Meu bebê estava o tempo todo no colo da minha mulher e não ficou em nenhum assento.

Em nota, o Córdoba afirma que apenas cumpriu uma norma de todo país, que obriga o espectador a ter um bilhete para ingressar nos estádios.

Já o Jaén condena a ação do adversário. O presidente do clube, Higinio Vilches, ao tomar conhecimento do episódio, se retirou das tribunas por considerar uma falta de respeito com a família de torcedores visitantes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos