Artilharia da Ilha e Lei do Ex: Neilton é arma do Botafogo contra o Santos

Dos tantos meninos que surgem na Vila Belmiro, o Santos é conhecido por ser um celeiro de grandes revelações do futebol nacional. Nesta quarta, a equipe paulista irá enfrentar um talento de sua base, que vive atualmente o seu melhor momento na carreira, pelo Botafogo, adversário desta noite. Neilton volta a enfrentar o seu ex-clube e no estádio onde tem sido decisivo.

 

Na Arena da Ilha do Governador, nenhum jogador do elenco atual tem mais gols que Neilton. Com cinco tentos em seis jogos disputados no estádio, ele é o segundo jogador com mais gols com a camisa alvinegra no estádio. Na frente dele, somente Alex Alves, com 10 gols marcados em 2005.

 

Nos dois clássicos do Rio de Janeiro no estádio, o camisa 7 do Botafogo foi decisivo: marcou um dos gols que garantiu a reação contra o Flamengo, no empate em 3 a 3 e, de esquerda, deu os três pontos ao Glorioso contra o Fluminense, na vitória por 1 a 0 no Clássico Vovô. Mas ele tem sido decisivo também contra os paulistas, que é o caso do adversário desta quarta-feira.

 

No duelo com o Palmeiras, na Ilha, Neilton marcou duas vezes e comandou os 3 a 1 do Botafogo. Até mesmo contra o Bragantino, ele decidiu a vitória, dando assistência para Vinícius Tanque. Logo mais, o jovem de 22 anos terá a oportunidade de fazer valer a Lei do Ex. E compensar a partida do primeiro turno, no Pacaembu, onde seu ex-clube venceu e ele acabou perdendo pênalti.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos