Diretor do Atlético relata agressão nos camarotes do Mineirão

Depois do empate por 1 a 1 no clássico mineiro, membros da diretoria atleticana foram hostilizados por torcedores do Cruzeiro na saída dos camarotes do Mineirão. Foi o que relatou o diretor jurídico do Galo, Lásaro Cândido Cunha.

- Houve agressão, cusparada, empurra-empurra, mas nossa segurança atuou, deu um chega para lá e eles saíram correndo - comentou Lásaro, sem culpar a diretoria do clube celeste, mas a segurança dentro do Mineirão.

- Eu e o presidente (Daniel Nepomuceno) descemos pelo elevador, mas alguns da comissão técnica foram covardemente atacados na descida. São apenas torcedores, não podemos atribuir isso à direção do clube, mas lamentamos profundamente, tem tanto segurança no Mineirão, deveriam preocupar mais em oferecer condições digna - completou.

Ainda antes de a partida começar, torcedores do Atlético compraram ingressos e entraram no setor destinado à torcida do Cruzeiro, o que causou uma pequena confusão nas cadeiras superiores do estádio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos