Rivais valorizam empate, mas citam gosto amargo no clássico mineiro

Pelas circunstâncias do jogo, por se tratar de um clássico mineiro, o resultado foi justo para as duas equipes. Mas se tratando de números na tabela, atleticanos e cruzeirenses não esconderam o sabor amargo por não terem conseguido sair vencedores no clássico mineiro que terminou em 1 a 1 neste domingo.

- O empate acabou sendo um resultado justo pelo que as equipes fizeram. Mas é óbvio que fica um gosto de derrota para mantermos firmes lá na frente. Mas ainda tem muito campeonato pela frente, agora é continuar trabalhando - comentou o lateral Fábio Santos.

Com o resultado, o Galo leva um ponto e vai aos 46 na tabela, aumentando para cinco a distância para o líder Palmeiras. O time de Marcelo Oliveira saiu na frente com Clayton, em um primeiro tempo de poucas oportunidades. Porém, o Cruzeiro reagiu na etapa final, empatou com Robinho e buscou a virada que não veio. Com isso, permanece nas proximidades da zona de rebaixamento, agora com 30 pontos e a dois do Z-4.

- Matematicamente, não é bom para ninguém. Jogo truncado, duas equipes se gladiaram bem no meio, foi um bom jogo, um bom clássico. Agora temos que mirar a próxima partida e buscar uma vitória - disse o zagueiro Léo, do Cruzeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos