Após conversa com Renato e multa, Henrique Almeida se desculpa

Em um primeiro momento, Henrique Almeida não disse ter se arrependido do gesto feito com o dedo médio ao torcedor gremista após ser substituído contra o Atlético-PR nesta quarta-feira, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. No entanto, após uma conversa com o técnico Renato Portaluppi e de ser multado, o atacante do Grêmio se pronunciou sobre o fato, admitindo o erro.

- Estou aqui pra assumir meu erro. Conversei com o renato, e nada justifica o que eu fiz. Estava de cabeça quente, tentando fazer meu melhor. Até pela minha inexperiência, fiz um gesto, como todos viram, que não é da minha índole. Nunca tive problema com ninguém nem com torcedor. Estou aqui pra assumir meu erro. Pedi para dar essa explicação. Até fui multado, e está correta a diretoria. Não foi para a torcida, mas para um torcedor só, e quero me desculpar ao vivo - destacou o atacante.

Henrique Almeida aproveitou para tecer elogios à torcida do Grêmio, lembrando o que havia dito quando foi apresentado pelo Tricolor após ter feito um bom Brasileirão do ano passado pelo Coritiba e ter ficado próximo de ser anunciado pelo Internacional.

- Uma das coisas que me fez vir pro grêmio foi a torcida, na minha primeira entrevista eu falei. A torcida realmente se entrega ao clube, e o torcedor está no direito de cobrar, exigir vitórias. A nação tricolor é apaixonada por este clube. Tenho certeza que vai vir essa Copa do Brasil. Só quero ajudar e estou à disposição para tirar essa imagem que acabou acontecendo. Sou um ser humano, erro como qualquer pessoa - disse o camisa 91.

- Não vim justificar meu erro, nada justifica, mas estou vindo aqui pedir desculpas, de coração. Só posso mostrar dentro de campo, fora qualquer um sabe da minha índole. Nunca tive problemas com torcedor. Só vou poder mostrar dentro de campo, mostrar ao máximo meu valor para ajudar a equipe a fazer o máximo - completou o atacante.

Henrique Almeida ainda não conseguiu justificar a aposta feita pela diretoria. Ele soma 27 jogos no ano, sendo seis como titular, apenas três gols marcados e luta por uma sequência iniciando entre os 11.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos