Marcelo Grohe revela como parou Weverton: ' Foi mesmo intuição'

De quase vilão a herói do Grêmio na partida com o Atlético-PR, o goleiro Marcelo Grohe confessou o que fez para pegar o pênalti cobrado pelo goleiro do Weverton, do Atlético-PR. Em entrevista ao programa Seleção Sportv, do canal por assinatura Sportv, ele contou que foi pura intuição.

 

- Quando houve a troca (de batedor do pênalti) eu tentei me recordar de algum pênalti. Acabei treinando com ele na Seleção, na última convocação, e as vezes a gente brinca de bater pênalti, um goleiro contra o outro. Eu acabei tentei me recordar e na hora eu não lembrei. Acho que não teve essa situação lá. Foi mesmo da intuição, da leitura que eu fiz- afirmou.

 

-Eu lembro que o Renato me chamou para fora do grupo e me passou muita confiança. Disse que o erro já tinha acontecido e que de vilão eu poderia ser o herói. Falou que precisava de mim naquele momento para ajudar a equipe - completou.

 

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos