Sport vence, Santos joga mal e perde chance de subir dentro do G4

Motivação não faltava para o Santos vencer o 5º jogo fora de casa. Faltou pontaria, entrosamento e principalmente fôlego para o time que vinha de quatro partidas sem perder e foi derrotado por um Sport que perdeu diversas oportunidades, mas aproveitou uma e venceu por 1 a 0.

O técnico Oswaldo de Oliveira, que conhece bem o Peixe, armou o Leão da Ilha do Retiro para aproveitar os pontos fracos do Alvinegro ontem, o principal deles foi a defesa. A equipe pernambucana sufocou e marcou a saída de bola santista. o que deu certo.

Antes de Rogério abrir o placar, foram cinco finalizações dos donos da casa. David Braz, que tinha acabado de entrar no jogo (aos 6 minutos), na vaga do lesionado Gustavo Henrique, que quase não jogou, mas conseguiu um efeito suspensivo às pressas, foi o responsável por dividir com o ex-atacante do São Paulo e levar a pior.

Rogério ganhou a disputa, girou e tocou no canto de Vanderlei. Com o placar aberto, o Sport teve ainda mais chances, desperdiçadas de maneira inacreditável.

No segundo tempo, Dorival viu necessidade de sacar Rodrigão e colocar Jean Mota no meio. Apesar de perder a referência, o Peixe ganhou volume de jogo, criou, mas perdeu todas as oportunidades dentro da área. Quando faltou perna e experiência, Vitor Bueno deixou o campo com dores e deu lugar a Elano.

Porém, o experiente camisa 11 foi expulso com 18 minutos em campo por continuar reclamando com o árbitro após levar o amarelo. O meia contestava a não marcação de falta.

A esperança do Santos passou a ser mais do que nunca Lucas Lima. O camisa 10 foi, durante os 90 minutos, até a defesa buscar a bola, finalizou de dentro e de fora da área e o único que procurava os companheiros dentro da área, mas nem isso foi o suficiente para buscar o empate.

A derrota mantém o Santos na 4 colocação, sem risco de deixar o G4 nesta rodada. O Sport vai a 13º.

FICHA TÉCNICA

SPORT 1 X 0 SANTOS

Local: Ilha do Retiro - Recife (PE)

Data-hora: 24/09/2016, às 18h30

Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva - GO (FIFA) e Leone Carvalho Rocha - GO (CBF-1)

Público/renda: 7.934 / R$ 129.495,00

Cartões amarelos: Matheus Ferraz e Vinicius Araujo (Sport); Copete (Santos)

Cartão vermelho: Elano (Santos)

Gols: Rogério (1-0)

SPORT: Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Rodnei Wallace; Rithely, Neto Moura (Paulo Roberto, 12'/2ºT), Diego Souza, Gabriel Xavier (Vinicius Araujo, 24º/2T) e Everton Felippe; Rogério Técnico: Oswaldo de Oliveira

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique (David Braz, 4'/1ºT) e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima; Vitor Bueno (Elano, 101/2ºT) Copete e Rodrigão (Jean Mota, intervalo). Técnico: Dorival Júnior

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos