Ferraz rebate críticas no Santos, pede confiança e vê motivos para acreditar

A lesão de Gustavo Henrique, que tirou o zagueiro do restante da temporada, deixou o elenco do Santos abatido. Segundo o lateral-direito Victor Ferraz, ainda em Recife, após o jogo contra o Sport, no último sábado, onde o defensor rompeu o ligamento do joelho esquerdo, houveram algumas conversas sobre o assunto, para tentar tranquilizar o grupo.

- O elenco ficou extremamente triste. Foi uma notícia dura. O Gustavo é um cara que a gente gosta muito, era um dos destaques do nosso time. Conversei com ele em Recife e sabíamos do risco. Ele é forte e guerreiro, vai superar e vamos ajudá-lo no que precisar - comentou o camisa 4.

Mas não é só o clima no CT Rei Pelé que preocupa os jogadores do Peixe. Ferraz, que é um dos líderes do elenco, aponta motivos para a torcida acreditar na força do elenco do Alvinegro e motivar a equipe na Copa do Brasil e no Brasileirão.

- O nosso torcedor tem motivos para acreditar na gente. Sendo bem sincero, há cobrança grande em rede social. Algumas vezes são injustas. Somos uma das melhores equipes em aproveitamento no ano, perdemos jogadores e conseguimos brigar pelos dois campeonatos. Nosso time merece crédito.

- Chega a ser ridículo (algumas críticas da torcida). Brigamos por tudo que a gente pode. Poderíamos estar em melhor posição no Brasileiro, mas continuamos na briga. Acho que é hora do nosso torcedor nos abraçar. Talvez entre jogadores novos e eles precisam de moral - completou.

Para o jogo contra o Internacional, na quarta-feira, que será na Vila Belmiro, pela Copa do Brasil, o Peixe não deverá ter, além de Gustavo Henrique e Vitor Bueno, o atacante Ricardo Oliveira, que tem uma lesão de grau 1 na coxa direita.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos