Corinthians faz 2º turno com aproveitamento pior do que o do ano da queda

  • Rubens Cavallari/Folhapress

Um ano depois de uma campanha praticamente irretocável, que culminou no hexacampeonato brasileiro, o Corinthians tem o seu pior desempenho em um turno do Campeonato Brasileiro desde que a competição passou a ser disputada em sistema de pontos corridos, em 2003. A equipe conquistou apenas sete de 24 pontos disputados no returno, aproveitamento de 29,17%.

A média, digna de equipe rebaixada, deixa o time só à frente de Internacional e Santa Cruz neste segundo turno - ambos os clubes têm aproveitamento de 20,8% e estão na zona do rebaixamento.

Até então, após 25 turnos disputados, o pior desempenho alvinegro na competição havia sido de 31,6% dos pontos. Tal aproveitamento foi obtido na segunda parte dos Brasileiros de 2007 (ano em que caiu para a Série B) e de 2009.

Se depois da primeira metade do campeonato o Corinthians era o terceiro colocado, apenas a dois pontos do líder Palmeiras, agora a equipe está em sétima, 13 pontos atrás do primeiro e a quatro do G4.

A queda começou ainda com Cristóvão Borges, demitido há pouco mais de uma semana, e ainda não foi interrompida pelo interino Fabio Carille. O clube de Parque São Jorge não consegue vencer no campeonato há quatro rodadas. O último triunfo foi sobre o Sport, no dia 8.

Mesmo cada vez mais distantes do pelotão da frente, os jogadores do Corinthians não jogam a toalha no Brasileiro e afirmam que, por enquanto, não vão priorizar a Copa do Brasil.

"A gente não pode abrir mão, até porque a galera está muito próxima. Se quarta-feira é Copa do Brasil, temos que focar em Copa do Brasil. Já se domingo for Brasileiro, temos que focar no Brasileiro. Não pode largar, até porque estamos em uma grande equipe", comentou o meia Marlone após a derrota para o Fluminense, a décima da equipe na competição.

Porém, nesta quarta-feira, contra o Cruzeiro, na Arena, há motivos para crer que a história será outra. Não há turnos, só decisões. Invicto em dois jogos, o time está a seis jogos da taça.

- MUDANÇAS NOS TURNOS

POSIÇÃO
Ao final do primeiro turno, Corinthians era o terceiro colocado, a dois pontos do líder. Agora, clube está a 13 pontos do Palmeiras e a quatro do Santos, quarto.

GOLS PRÓ
Corinthians marcou 28 vezes nas 19 primeiras rodadas, média de 1,47 gol por partida. No segundo turno, equipe só anotou sete, média de 1 por rodada (sendo que passou em branco em quatro duelos)

GOLS CONTRA
Número cresceu consideravelmente. Corinthians, que nos últimos anos foi referência em defesas sólidas, foi vazado 12 vezes em sete jogos (média de 1,7 gol por jogo). Na primeira metade do Brasileirão, clube sofreu 15 em 19 e era o menos vazado.

BALANÇO
Ao final do primeiro turno, Timão tinha saldo de 13 gols. No returno, tem menos cinco.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos