Velocista americano é suspenso por dois anos por doping

A Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA) anunciou nesta terça-feira a suspensão do velocistas Trell Kimmons por dois anos após ele ter sido flagrado em um exame antidoping. O americano foi pego pelo uso de 1,3-dimethylbutylamine, um estimulante banido pela Agência Mundial Antidoping (Wada).

Kimmons falhou em teste realizado no dia 12 de março durante o Campeonato Americano indoor, em Portland (EUA). Segundo a Usada, o atleta ingeriu a susbtância proibida ao consumir um suplemento e aceitou a pena, que vale a partir de 14 de abril.

Vale lembrar que o velocista fez parte do time americano do revezamento 4x100m nos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres. A equipe chegou a conquistar uma medalha de prata, mas foi desclassificada por conta do doping de Tyson Gay.

Kimmons chegou a ser apontado como uma revelação de seu país no atletismo em 2004. Na ocasião, ele foi membro do time dos Estados Unidos no revezamento 4x100m no Mundial Júnior, quando os americanos quebraram o recorde mundial da categoria.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos