Romero iguala Guerrero e se torna maior artilheiro da história da Arena

O paraguaio Ángel Romero entrou para a história da Arena Corinthians. O atacante balançou a rede na vitória por 2 a 1 sobre o Cruzeiro nesta quarta-feira, chegou a 15 tentos no estádio de Itaquera e igualou a marca do peruano Paolo Guerrero, que deixou o Parque São Jorge no ano passado.

Romero poderia até ter ultrapassado o peruano, mas graças a um toque do cruzeirense Léo, o árbitro Eduardo Tomaz de Aquino Valadão deu gol contra.

Agora, os estrangeiros dividem a artilharia da Arena inaugurada em maio de 2014. O segundo colorado é Jadson, com 13 gols anotados.

O gol do camisa 11 contra a Raposa ainda põe fim a uma marca incômoda no Corinthians: os atacantes alvinegros não marcavam gols há 16 partidas - um total de 87 dias. O último tento, feito pelo próprio Romero, havia sido no dia 3 de julho, na goleada por 4 a 0 sobre o Flamengo. De quebra, o paraguaio tornou-se artilheiro isolado do time alvinegro na temporada, com 14 gols.

Romero chegou ao Parque São Jorge em junho de 2014. Formado nas categorias de base do Cerro Porteño, o paraguaio assinou contrato com o Corinthians por cinco temporadas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos