Ídolo inglês, sobre escândalos de corrupção: 'Só a ponta do iceberg'

A série de reportagens feita pelo jornal "Telegraph" prometem um efeito devastador no futebol inglês. Nesta sexta-feira, o ex-jogador Gary Liniker se manifestou sobre a sequência de escândalos envolvendo treinadores do país.

- É só a ponta do iceberg. Essas acusações são assuntos de polícia. O futebol está cheio de corrupção e precisa ser limpado com urgência, agora! - pede o ídolo do futebol inglês.

Na última segunda-feira, o jornal desvendou um esquema do técnico Sam Allardyce para burlar as regras de transferência da Premier League. Enquadrado e sem defesa, "Big Sam" acabou demitido da seleção inglesa.

Na quinta-feira, foi a vez de Jimmy Floyd Hasselbaink, ex-jogador do Chelsea e técnico do Queens Park Rangers. O holandês teria cobrado uma comissão para tornar-se embaixador de uma empresa cujos jogadores seriam vendidos ao clube londrino.

Nesta sexta-feira, a investigação chegou a Harry Redknapp, que admitiu ter trabalhado ao lado de jogadores que apostavam.

Para Liniker, urge uma mudança drástica nos quadros entre os dirigentes do futebol inglês.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos