Com um primeiro tempo avassalador, Vitória goleia Chape na Arena Condá

O Vitória não tomou conhecimento da Chapecoense na tarde deste sábado e mesmo atuando fora de casa aplicou uma goleada no time catarinense. Jogando na Arena Condá, o rubro-negro baiano fez um primeiro tempo brilhante e garantiu o triunfo por 4 a 1 na etapa inicial. Zé Eduardo, duas vezes, Marcelo e Kieza fizeram para os baianos, enquanto Tiaguinho descontou para os donos da casa.

Com esse resultado, o Vitória ocupa agora a 12ª colocação no Campeonato Brasileiro e consegue se afastar da zona de rebaixamento. Time tem 35 pontos, cinco a mais que primeiro clube do Z4, que no momento é o Cruzeiro. A Chape ficou em 11º, com 38.

Equipes voltam a atuar pelo Brasileirão já nesta quarta-feira. A Chapecoense encara o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, às 19h30. No mesmo horário, o Leão recebe o Grêmio, no Barradão.

O JOGO

Equipes começaram a partida na Arena Condá disputando bastante a posse de bola no meio e na primeira jogada trabalhada, os visitantes conseguiram sair na frente do placar. Aos oito, Marinho cruzou na medida para Zé Eduardo, que bateu no canto, sem chances para Marcelo Boeck. A Chape respondeu com Thiego, cobrando falta, porém a bola subiu demais.

Marinho estava em tarde inspirada e após sofrer falta na entrada da área, cruzou na cabeça de Marcelo, que marcou o segundo do Vitória. Atuação rubro-negra era impecável e aos 25, Zé Love mandou no ângulo e fez o segundo dele após bela jogada de Kieza. O time da casa não conseguia se achar na partida e não oferecia perigo ao gol defendido por Fernando Miguel.

Aos 31, por pouco Kieza não fez o quarto. Atacante ficou cara a cara com o goleiro Marcelo Boeck, porém acabou mandando por cima. Melhor chance da equipe foi com Rafael Bastos, que de fora da área acertou a trave. Aos 39, o Vitória fez mais um. Após cruzamento da direita, bola sobrou para Kieza e o camisa 9 não desperdiçou. Marinho ainda assustou batendo de fora da área e antes do intervalo, alguns torcedores já tinham deixado a Arena Condá.

A Chapecoense descontou no início da segunda etapa. Gil, que entrou no intervalo, cruzou para Tiaguinho marcar de peito. Bruno Rangel e Dener também arriscaram de longe, mas mandaram para fora. Vitória voltou mais defensivo, já que vantagem era grande. Aos 25 foi a vez de Thiego tentar anotar para a Chapecoense. De fora da área, zagueiro soltou uma bomba e a bola saiu raspando.

Já na reta final de partida, a Chapecoense não tinha tanta esperança mas continuava tentando diminuir o placar. Com a vitória praticamente garantida, o Vitória só segurou a posse de bola para esperar o tempo passar. Bruno Rangel chegou a balançar as redes, mas assistente assinalou o impedimento do camisa 9.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE 1 X 4 VITÓRIA

?

Data e hora: 01/10/16, às 16h

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (PB)

Assistentes: Luis Filipe Gonçalves Corre (PB) e Oberto Santos da Silva (PB)

Cartões amarelos: Kempes (CHA); Fernando Miguel e Kanu (VIT)

Cartão vermelho: Não houve.

Público e Renda: Não divulgados.

Gols: Zé Eduardo, 8'/1ºT (0-1); Marcelo, 15'/1ºT (0-2); Zé Eduardo, 25'/1ºT (0-3); Kieza, 39'/1ºT (0-4); Tiaguinho, 9'/2ºT (1-4)

CHAPECOENSE: Marcelo Boeck; Gimenez (Neto. intervalo), Filipe Machado, Thiego e Dener Assunção; Matheus Biteco, Rafael Bastos (Kempes. 25'/2ºT) e Cleber Santana; Lourency (Gil, intervalo), Tiaguinho e Bruno Rangel. TEC: Caio Júnior.

VITÓRIA: Fernando Miguel (Caíque, ; Diogo Mateus, Kanu, Ramon e Diego Renan; Willian Farias, Marcelo e Tiago Real (Amaral, 28'/2ºT); Marinho (David, 35'/2ºT), Kieza e Zé Eduardo (Euller. 13'/2ºT). TEC: Argel Fucks.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos