Atacante equatoriano recebe ordem de prisão por não pagar pensão

A seleção equatoriana estava finalizando sua preparação para o duelo contra o Chile, que acontece nesta quinta-feira, no Estádio Olímpico Atahualpa, porém uma novidade nos bastidores mexeu com o elenco. O advogado Paúl Marín, apresentou ao atacante Enner Valencia, um mandado de prisão por falta de pagamentos de uma pensão alimentícia.

Segundo o documento apresentado pelo advogado, o atacante deve um total de 17 mil doláres por quatro meses de pensão alimentícia, o que estabelece uma detenção ao jogador caso o mesmo não pague.

- Eu pedi à polícia para parar o atleta, que não quer cumprir com a captura do dinheiro. São valores pendentes à pensões e outros conceitos, por isso teve o mandado. Não desprezo de uma ordem judicial - disse Marin.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos