Uruguai goleia a Venezuela e se consolida na liderança isolada

O Uruguai termina o primeiro turno das Eliminatórias Sul-Americanas contrariando às expectativas de quem acreditava vê-lo na zona da repescagem, como nos últimos anos. Nesta quinta-feira, em Montevidéu, pela nona rodada da competição, a Celeste derrotou a Venezuela por 3 a 0 e se consolidou na primeira colocação, com 19 pontos. Além da melhor campanha, os charruas também têm a melhor defesa, com apenas cinco gols sofridos (nenhum em casa). Já a Vinho Tinto segue em último lugar, com dois pontos.

Se um desavisado estivesse no Estádio Centenário sem ler a tabela das Eliminatórias, dificilmente acreditaria que a Venezuela ocupa a lanterna do torneio e o Uruguai a liderança. A Vinho Tinto superou o adversário no meio de campo e criou as três melhores chances da metade da primeira etapa. Faltou ao atacante Peñaranda um pouco de coordenação motora ao concluir para fora, sozinho, com o gol aberto, após erro na saída de Muslera.

Como no futebol não existe merecimento, o Uruguai chegou ao gol aos trancos e barrancos. Suárez cruzou para Lodeiro cabecear de peixinho. Naquela altura, a Celeste encontrava dificuldade para fazer a bola chegar à frente com qualidade.

As dúvidas sobre a participação do time da casa na segunda etapa se dissiparam com apenas 15 segundos. Cavani venceu a disputa com o zagueiro Ángel e chutou no canto de Hernández, ampliando a vantagem da seleção bicampeã mundial.

A vida uruguaia ficou ainda mais confortável com a expulsão de Vizcarrondo. Suárez e Cavani começaram a se entender novamente. Sánchez centrou. O craque do Barcelona deixou a bola açucarada para o atacante do Paris Saint-Germain fazer o terceiro dos celestes.

A metade do caminho à Rússia já foi trilhado com muito êxito. Desta vez, ao que parece, sem o mesmo drama de tempos passados.

URUGUAI 3 x 0 VENEZUELA

Local: Centenário, em Montevidéu (URU)

Data e hora: 6 de outubro de 2016, às 20h (horário de Brasília)

Árbitro: Raúl Orozco (BOL)

Auxiliares: Juan Pablo Montaño (BOL) e José Antelo (BOL)

Cartão Amarelo: Vizcarrondo, Figuera, González (VEN) ; Lodeiro (URU)

Cartão Vermelho: Vizcarrondo, 20'/2ºT (VEN)

Gols: Lodeiro, 30'/1ºT (1-0), Cavani, 15''/2ºT (2-0); Cavani, 34'/2ºT (3-0)

Uruguai: Muslera; Corujo, Coates, Godín e Gatón Silva (Álvaro Pereira, 43'/2ºT); Arévalo Ríos, Sánchez, Cristián Rodríguez e Lodeiro (Vecino, 22'/2ºT); Cavani e Suárez. T: Óscar Tabárez.

Venezuela: Hernández; González, Vizcarrondo, Ángel e Villanueva; Rincón, Figuera, Guerra e Añor (Velázquez, 21'/2ºT); Peñaranda (Josef Martínez, 25'/2ºT) e Rondón. DT: Rafael Dudamel.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos