Firmino volta à Seleção com gol e vira 'Safadão' na zoeira da torcida

Bastou ele aparecer na lateral do campo para entrar no lugar de Gabriel Jesus, aos 20 minutos do segundo tempo, para a galera começar a gritar. Não foi grito de "Firmino", como estava escrito na camisa, mas sim de "Vai, Safadão".

A zoeira quase sem limites do torcedor da Arena das Dunas, em Natal, não foi à toa. A associação, ainda mais pela população nordestina, foi lógica ao ver o corte de cabelo do atacante da Seleção. Estava muito igual ao do cantor Wesley Safadão.

Foi impulsionado pelo grito de "Safadão" que Firmino subiu mais alto que a marcação e, de cabeça, fez o quinto gol do Brasil na goelada sobre os bolivianos. Foi o estopim para uma onda maior ainda de "Vai, Safadão".

Com estilo de cantor famoso, Firmino ganhou uma nova oportunidade na Seleção e correspondeu. Ele apareceu entre os convocados com Dunga, fez gols nos primeiros jogos, mas depois caiu de produção. Perdeu espaço ainda na gestão anterior, mas as atuações no Liverpool chamaram a atenção de Tite, e a nova convocação veio.

Pelo desempenho nesta quinta, ainda não dá para pensar em titularidade, já que Gabriel Jesus está 99% titular, muito badalado. Mas enquanto houver 1% de chance, o "Safadão" Firmino vai continuar sonhando.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos