Santos decide nesta 2ª se fará pré-temporada de 16 dias em Miami

  • Divulgação/Santos FC

    Presidente do Santos, Modesto Roma deixou decisão nas mãos do Comitê de Gestão do clube

    Presidente do Santos, Modesto Roma deixou decisão nas mãos do Comitê de Gestão do clube

Depois de praticamente descartar a hipótese de realizar a pré-temporada de 2017 fora do país a pedido do técnico Dorival Júnior, o Santos deve bater o martelo e cravar a ida aos Estados Unidos. Com uma proposta em mãos da Miami Cup, o presidente Modesto Roma Júnior deixou a decisão nas mãos do Comitê de Gestão do clube, que se reunirá nesta segunda-feira para aprovar ou recusar ida à Florida.

Na última semana, Modesto se reuniu com empresários da Miami Cup e acertou valores e outros detalhes que ainda estavam pendentes. O dirigente gostou da ideia e aprova a exposição de sua marca.

Apesar ainda de certo mistério por parte do clube, o LANCE! teve acesso ao projeto de realização da Miami Cup. A competição não se resume a um amistoso entre Santos e Cosmos, único time onde Pelé jogou além do time santista. A partida seria apenas um "detalhe" na organização.

Caso aceite a proposta, o Santos deve passar 16 dias em Miami. Alternando treinos abertos aos torcedores e entrevistas, o marketing do clube acredita que pode voltar a fortalecer a marca fora do Brasil.

A organização da Miami Cup arcaria integralmente com os custos da viagem. Hospedagem, logística, locomoção e estrutura de treinos. O Santos ainda estuda levar até atletas das categorias de base, já que os empresários não impuseram limite de atletas que podem embarcar.

Para hospedagem, os organizadores oferecem o Club Med da Florida, mas o clube ainda analisa e pretende conhecer as instalações.

Os valores oferecidos ao Santos ainda são mantidos em sigilo, mas o clube entende que o grande ganho está na experiência de levar jogadores e marca do clube para fora. Além disso, o time santista teria direito a uma porcentagem da transmissão do amistoso com o Cosmos, que deve passar em 70 países, além da renda arrecadada com bilheteria, mas sem lucro nas demais atrações.

A Miami Cup será uma espécie de festival. Durante 15 dias, a organização espera 1,5 milhão de pessoas acompanhando treinos, jogos, atrações e shows marcados, como da cantora e atriz Jennifer Lopez e Mariah Carey.

A organização ainda tenta acordo para que o Rei Pelé esteja no dia da realização do amistoso entre Santos e Cosmos.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos