Comitê italiano confirma retirada de Roma da disputa pelos Jogos de 2024

O Comitê Olímpico Italiano (CONI) confirmou nesta terça-feira que Roma está fora da disputa para ser sede dos Jogos Olímpicos de 2024. Na última semana, a prefeita Virginia Raggi já havia declarado publicamente sua insatisfação com a possibilidade devido ao custo elevado do projeto.

- Informei ao COI a nossa desistência de se candidatar como sede dos Jogos de 2024. Agora, temos de curar as feridas trazidas pela ideologia e a demagogia. Lamentamos a opção de não gerar 177 mil postos de trabalho e aumento da riqueza de 2,4% entre 2017 e 2023 - afirmou Malagò.

Raggi chegou a declarar que a cidade não teria condições financeiras de receber o megaevento e lembrou que o governo ainda paga dívidas referentes aos Jogos Olímpicos de 1960.

Com a desistência da capital italiana, apenas três cidades seguem na briga: Los Angeles (EUA), Paris (FRA) e Budapeste (HUN). O COI escolherá a vencedora em setembro de 2017.

Esta é a segunda vez em quatro anos que uma candidatura de Roma é retirada ou suspensa. Em 2012, o então primeiro-ministro Mario Monti descartou a entrada da cidade no pleito para os Jogos de 2020 por questões financeiras.

Outra postulante que deixou de concorrer foi Hamburgo (ALE), pois a população rejeitou a candidatura em referendo. Por falta de apoio político, Boston desistiu da Olimpíada de 2020 e deu lugar a Los Angeles.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos