Weidman se diz envergonhado por atuação de Bisping no UFC 204

Campeão dos médios do UFC, Michael Bisping defendeu o cinturão pela primeira vez com uma vitória na decisão unânime dos juízes sobre o veterano Dan Henderson, no último sábado (8), na Inglaterra, em uma luta duríssima onde o inglês chegou a levar dois knockdowns.

Após o combate, Bisping se disse pronto para enfrentar qualquer um dos quatro primeiros colocados: Chris Weidman, Yoel Romero, Luke Rockhold ou Ronaldo Jacaré. No entanto o ex-campeão da divisão, Weidman, não se impressionou nem um pouco com a atuação do inglês, muito pelo contrário.

- Eu realmente acho que Dan Henderson deveria ter tido a mão levantada, então eu senti vergonha pelo Bisping. Quando você quase não bate o número 14 da divisão. Pegar o microfone e desafiar os quatro tops da categoria como se ele tivesse feito algo impressionante. Ele pode dizer o meu nome um bilhão de vezes e me chamar de todos os nomes que ele quiser. Esse cara não me afeta - disparou Weidman, em entrevista ao programa "MMA Hour".

Após perder o cinturão dos médios para Luke Rockhold, Chris Weidman retorna ao octógono no UFC 205, que acontece no dia 12 de novembro, em Nova York, quando encara Yoel Romero.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos